Delphi 7.0 - Programacao orientada a objetos - ( )

  
Abaixo veremos como criar um cadastro, localizar e excluir registros.

Tutorial com 850 folhas mostrando passo a passo como programar em Delphi 7.0.

Baixe os tutoriais em pdf e siga os passos, bom estudo :)


*** Página melhor visualizada no " navegador Chrome "

Index



01 - Baixando e instalando Delphi 7 

02 - Criando uma tabela 

03 - Criando alias

04 - Formulario de entrada de dados 

05 - Configurando cores no editor do código fonte

06 - Localizando / apagando registros da tabela

07 - Localizando registros - indice primário - 1

08 - Localizando registros - indice primário - 2

09 - Localizando registros - índice secundário - 1

10 - Localizando registros - índice secundário - 2

11 - Localizando registros - de qualquer campo - 1

12 - Localizando registros - de qualquer campo - 2

13 - SQL - Structured Query Language

14 - Classificando registros com SQL

15 - Localizando registros com SQL - 1

16 - Localizando registros com SQL - 2

17 - Localizando registros com SQL + Inputbox - 3

18 - Procurando registros com SQL dos aniversariantes - 4

19 - Procurando registros com SQL do mês - 5

20 - Procurando registros por letras ou período - 6

21 - Procurando registros por período e cidades - 7

22 - Procurando datas correntes maiores ou iguais - 8

23 - Procurando registros com SQL + like + RadioGroup

24 - Totalizando valores

25 - Totalizando salários









01 - Baixando e instalando Delphi 7



Atenção 

Estou aqui compartilhando um material que fiz em 2005 e penso que ainda será útil para
quem quer aprender a programar. Na seção de downloads há vários programas que criei no 
passado e que podem ser estudados, e vários outros tutorios de Delphi que criei.


Observe coma atencao as imagens de instalacao e opcoes selecionadas para que a instacao 
seja bem sucedida.

Download Debian 7.0 no link abaixo: 

https://drive.google.com/file/d/0B0nurABfiWpcblJlX2NqNjlrcEE/view?pref=2&pli=1











Crie uma pasta de nome Delphi_7 e instale nesta pasta, se o Delphi for instalado na pasta padao sugerida apresentara um erro.



Tela padrão do Delphi 7
Objetos do Delphi ( componentes ) Cada componente tera suas propriedades e eventos.


Esta é uma "unidade", ou seja, nosso programa fonte... Note no exemplo abaixo: Inserimos um botão, note no lado esquerdo da imagem estamos na aba de propriedades do botão,alteramos o tamanho e cor, clique duplo sobre o botão ( o clique duplo aqui chama-se evento)e digite as duas linhas abaixo... // Mostra mensagem
ShowMessage('Hello');


Para executar o programa, pressione na tecla F9 e clique no botão Clique aqui Abaixo o programa fonte do nosso programa. ==== unit Unit1; interface uses Windows, Messages, SysUtils, Variants, Classes, Graphics, Controls, Forms, Dialogs, StdCtrls; type TForm1 = class(TForm) Button1: TButton; procedure Button1Click(Sender: TObject); private { Private declarations } public { Public declarations } end; var Form1: TForm1; implementation {$R *.dfm} procedure TForm1.Button1Click(Sender: TObject); begin // Mostra mensagem ShowMessage('Hello'); end; end. ==== Vamos salvar do mini programa :) File - save - crie uma pasta por exemplo de nome Prog_01 para salvar nosso projeto com o nome padrao Unit1.pas e projeto com o nome padrao tambem de Projet1.prj Veja abaixo o programa Projetc1.exe. Para executá-lo basta um clique duplo... Programa em execucao :)

02 - Criando uma tabela


Para criarmos tabelas no Delphi usamos o utilitário Database Desktop.


Clique em Iniciar, programas, Borland Delphi 7, clique em Database Desktop

Clique em File, New, Table, Paradox e Ok, será mostrada a tela abaixo:


Escolhendo os tipos de campos.

Para escolher o Type ( tipo do campo ) basta pressinar na letra sublinhada do tipo de campo, exemplo A para Alfanumérico.


Field Name = Nome do campo ( Ex: Codigo, Nome, Nome_Cliente ) Type = Veja tabela acima de tipo de campos ( Ex: I de Integer, ou A de Alfanu- mérico ) Size = Tamanho. Key = Pressinar na barra de espaço se for para definir índice primário. Tipos de campos usados pelo Paradox Type Descrição ======================================================================================= A = Alfta = Letras, números, símbolos (*#$ etc) N = Número = Até 15 dígitos $ = Money = R$ 100,00 R$ 700,10 S = Short = Até 32.767 I = Long Integer = Até 2.147.483.647 # = # (BCD) = Formato decimal código binário – até 15 dígitos D = Date = Datas válidas de Jan. 1, 9999 até Dez 31, 9999 T = Time = Armazena hora. @ = = Armazena valores da data e da hora M = Memo = Para campos de textos enormes. Armazena ate 240 caracteres e este conteúdo é armazenado em um arquivo com a terminação .MB F = Formated Memo = Pode formatar as fontes, cores, tamanho etc G = Graphic = Campo pode conter arq. gráficos .BMP, .GIF etc O = OLE = Pode armazenar, sons, vídeos, figuras L = Logical = Armazena Verdadeiro ou Falso + = Auto Increment = Auto incrementar. Começa com 1 e segue (não editável) B = Binary = Armazena na forma binária (geralmente para “sons” Y = Bytes = Armazena códigos de barra ou para fitas magnéticas Salve a tabela de nome Clientes dentro de uma sub-pasta chamada de Dados. Por que den- tro de uma sub-pasta, para facilitar a manutenção.

03 - Criando alias

Criamos Alias para tornar mais prático o acesso a tabela e para tornar a manutenção mais rápida. Clique em Iniciar, programas, Borland Delphi 7, clique em BDE Administrator, clique em Object, New, Standard, clique Ok, digite no nome do Alias, no lado direito da tela defina o caminho da pasta de dados, neste exemplo é C:\Delphi_Net\Dados para gravar o Alias clique na setinha azul inclinada para direita chamada de Apply.

O alias deste exemplo tem o nome de Exemplo_Net e pasta destino c:\Delphi_Net\Dados

04 - Formulario de entrada de dados

Com o Delphi já aberto, clique em Database, FormWizard, Next, na aba onde diz Drive or Alias name escolha Delphi_Net, no lado esquerdo da tela ( veja abaixo ) será listada a tabela de Clientes que criamos, clique em Clientes.DB, clique Next, clique em >> para selecionar todos os campos, Next, Next e Finish.

Veja abaixo a tabela pronta, podendo inserir, alterar, consultar e excluir registros.

Explicação dos botoes do navegador de registros ( da esquerda para direita ): Primeiro registro, Registro anterior, Registro posterior, Ultimo registro, Inserir registro, Apagar registr., Alterar registro, Gravar registro, Cancelar registro, Atualizar registro. Salve o projeto: File, Save, o Delphi irá sugerir o nome Unit1.pas, defina o nome Clientes, depois clique em File Save Project as deixe o nome sugerido pelo delphi de Project1. Obs: Quando abrir o projeto pela segunda vez, abra o arquivo Project.dpr, o arquivo de projeto. Cadastre alguns registros, após digitar cada registro clique em Gravar registro ( oitavo ícone )


Tipos de arquivos criados pelo delphi 7.0 .exe = Arquivo compilado executável. Este é um arquivo executável distribuivel de sua aplicação. Este arquivo incorpora todos os arquivos .DCU gerados quando sua aplicação é compilada. O Arquivo .DCU não é necessário distribuir em sua aplicação .dcu = Código objeto da Unit A compilação cria um arquivo .DCU para cada .PAS no projeto. .cfg = Arquivo do Projeto Apesar de ter a extensão *.cfg este é um arquivo texto. Guarda diversas opções do compilador. Discutir estas opções está fora do escopo deste curso. Para a maior parte dos casos as opções default funcionam perfeitamente. .dof = Arquivo do Projeto Apesar de ter a extensão *.dof este é um arquivo texto. Guarda diversas opções do projeto. Estas opções você configura usando a caixa de diálogo Project Options que vamos ver mais à frente. .res = Arquivo de Recursos do Compilador Arquivo binário que contém o ícone, mensagens da aplicação e outros recursos usados pelo projeto. .dfm = Arquivo gráfico do formulário Arquivo binário que contém as propriedades do desenho de um formulário contido em um projeto. Um .DFM é gerado em companhia de um arquivo .PAS para cada formulário do projeto. .dpr = Arquivo do Projeto Código fonte em Pascal do arquivo principal do projeto. Lista todos os formulários e units no projeto, e contém código de inicialização da aplicação, criado quando o projeto é salvo. .pas = Código fonte da Unit ( Object Pascal) Um arquivo .PAS é gerado por cada formulário que o projeto contém. Seu projeto pode conter um ou mais arquivos .PAS associados com algum formulário. Contem todas as declarações e procedimentos incluindo eventos de um formulário. .opt = Arquivo de opções do projeto Arquivo texto que contém a situação corrente das opções do projeto. Gerado com o primeiro salvamento e atualizado em subsequentes alterações feitas para as opções do projeto. .~dp = Arquivo de Backup do Projeto Gerado quando o projeto é salvo pela segunda vez. .~pa = Arquivo de Backup da Unit Se um .PAS é alterado, este arquivo é gerado. .~df = Backup do Arquivo gráfico do formulário Se você abrir um .DFM no editor de código e fizer alguma alteração, este arquivo é gerando quando você salva o arquivo. .dsk = Situação da Área de Trabalho Este arquivo armazena informações sobre a situação da área de trabalho especifica para o projeto em opções de ambiente ( Options Environment). .~DF - .~PA - .~DP são arquivos de backup( Menu Options, Enviroment, Guia Editor Display, Caixa de Grupo Display and file options, opção Create Backup Files, desativa o seu salvamento). Devido a grande quantidade de arquivos de uma aplicação, cada projeto deve ser montado em um diretório específico. Paradox é melhor quando... A aplicação é utilizada com menos de 10 usuários concorrentemente dados e estruturas de dados devem ser facilmente modificados por usuários finais a máquina cliente é proporcio- nalmente mais potente que a máquina servidora largura de banda da rede satisfatória velo- cidade e “conveniência” são mais importantes que integridade baixa disponibilidade de administradores de rede e BD qualificados somente uma aplicação acessará ]rotineiramente os dados as aplicações serão as resp. pela manutenção da integridade de dados pequena ou moderada quantidade de dados ( < 100 MB ) InterBase é melhor quando... A aplicação é utilizada com mais de 10 usuários concorrentemente dados devem ser centralizados, mantidos e protegidos a máquina servidora é muito mais potente que a máquina cliente rede está carregada integridade de dados é crucial disponibilidade de administradores de rede e BD qualificados várias aplicações poderão acessar os dados o banco será o resp. pela integridade de dados moderada a grande quantidade de dados ( > 100 MB ) Fazendo a melhor escolha Escolher entre Paradox e InterBase pode ter implicação importante para o seu projeto. Portanto, é essencial saber o que é mais adequado em cada situação.A maioria presume que uma rede estará envolvida. Se você está implementando um sistema mono-usuário, o Paradox é usualmente a melhor escolha. O servidor InterBase local pode ser indicado para um sistema mono-usuário, mas sem os aspectos de concorrência, as vantagens básicas do InterBase não estarão sendo utilizadas.

05 - Configurando cores no editor do código fonte

Configurando cores no editor de textos do código fonte afim de facilitar na visualiza- ção. Tools - Editor Options - Color ( defina as cores que desejar )

06 - Localizando / apagando registros da tabela

Agora aprender como localizar e apagar registros de uma tabela. Insira um componente Label ( mude o nome label para Procura Informações ) e um Edit1 ( pegue-os da aba/paleta Standard ), na propriedade Text do Edit apague o texto Edit1, insira um botão Bitbtn que esta na aba Additional. Veja na imagem abaixo, no Object Inspector ( Inspecionador de Objetos ) o Delphi trabalha com Properties ( Propriedades ) e Events ( Eventos ) No formulário na direita estamos usando o componente Bitbtn1, cada componente possui sua propriedades e eventos específicos. O que sao propriedades? Propriedades são características básicas de um componente. Cada componente Delphi possui uma série de propriedades com um valor default (padrão), tais como: altura, fonte dos textos, estilo, cor, tipo de cursor, etc., todas elas com um valor padrão incluído pelo Delphi. O que sao eventos? Os programas feitos em Delphi são orientados a eventos. Eventos são ações normalmente geradas pelo usuário. Existem eventos associados ao formulário e cada componente inserido neste. Neste exemplo, ao clicar será procurado o nome de uma pessoa na tabela, ou, poderíamos manda apagar um registro, abrir outra tela, fechar etc
Veja a tela acima, o componente BitBtn1 esta selecionado, poderiamos alterar este nome para um nome de melhor compreensão, como por exemplo: Procura e não BitBtn1. Ao fazer isto estaríamos alterando a propriedade Caption , observe tela acima mais no lado esquerdo.
Após um clique duplo sobre o botão Bitbtn1 será aberto o editor de códigos do Delphi e automaticamente serão inseridas sempre um begin e um end;
entre begin e end; digite as 3 linhas abaixo:
Veja abaixo como ficou o código completo.
Vamos entender melhor a linha abaixo:
TForm1 Nome do formulário. Ex: TClientes, TFornecedores Bitbtn1 Nome do botão. Ex: Bitbtn1_Procura, Procua_Bit Click Este evento indica a ação que será realizada, neste caso ao ao clicar no botão será disparado o evento "click". Como padrão o Delphi define nomes como: TForm1, Bitbtn1 etc .... cada programa definirá uma nomeação própria que tornará a manutenção do sistema de forma bem dinâmica. Veja na imagem abaixo a aba Additional e seus componentes. O Delphi possui várias abas com vários tipos de componentes para diferentes finalidades.
Resultado do programa ( programa pronto ) Pressione F9 para rodar / executar o programa, no campo Procura informações, digite eric, clique no botão para procurar o nome na tabela.
Para executar o programa, basta dar um clique duplo sobre Project1.exe. Poderia ter salvo como outro nome, mas preferi permanecer com o padrão ( default ) para facilitar o entendimento.
Personalizando BitBtn1 Clique no botão BitBtn1, clique na aba Properties ( lado esquerdo da tela ), clique em Caption, apague BitBtn1 e digite OK, após, mais para baixo, clique na propriedade Name, mude o nome de BitBtn1 para Ok_Bit ( nome interno do botão - ), após clique em Glyph, será aberta umam tela, clique em Load, selecione um ícone ( se tiver ), este ícone será mostrado no botão, veja abaixo:
Apagando registros da tabela Insira um botão Bitbtn ( aba Additional )
Clique no botão BitBtn2, clique na aba Properties ( no Object Inspector, lado esquerdo da tela ), clique em Caption, apague o nome BitBtn2 e digite Apaga registros, role para baixo, clique em Name, mude o nome de BitBtn2 para Bit_Apaga e pressione Enter
Dê um clique duplo sobre o botão Apaga registros e digite as linhas abaixo:
Código completo abaixo:
Exemplo código rodando:

07 - Localizando registros - índice primário - 1

Veja abaixo algumas telas graficas explicando 5 maneiras para localizar / filtrar registros. Sei que é mais rápido copiar e colar um trecho de código do que digitá-lo, faço questão de salvar em imagem pois há muitas aspas, vírgulas etc... que na forma texto puro podem passar desapercebidas e gerar erro na compilação. Digitando o código é uma forma de ajudar a memorizar.

08 - Localizando registros - índice primário - 2

09 - Localizando registros - índice secundário - 1

10 - Localizando registros - índice secundário - 2

11 - Localizando registros - de qualquer campo - 1

12 - Localizando registros - de qualquer campo - 2

13 - SQL - Structured Query Language

A SQL ou Linguagem Estruturada de Pesquisa, é uma linguagem universal para a manipula- ção de informações em banco de dados. Os métodos de acesso aos registros utilizados pelo componente TTable são bons para pes- quisas simples em registros, exceto para pesquisas complicadas de tomada de decisões.  Para usarmos informações em banco de dados de uma forma mais eficiente, deveremos chamar os dados de maneiras diferentes, combinar dados de várias tabelas, aplicando restrições e resumir grandes volumes de dados em poucos números significativos.  O modo mais fácil de fazer isto é utilizando a SQL. A SQL é uma linguagem não procedural, ou seja, não possui procedimentos ou funções para realizar tarefas. Neste tipo de linguagem nós informamos o que queremos, e não como faze-lo.

14 - Classificando registros com SQL

15 - Localizando registros com SQL - 1

16 - Localizando registros com SQL - 2

17 - Localizando registros com SQL + Inputbox - 3

18 - Procurando registros com SQL dos aniversariantes - 4

19 - Procurando registros com SQL do mês - 5

20 - Procurando registros por letras ou período - 6

21 - Procurando registros por período e cidades - 7

22 - Procurando datas correntes maiores ou iguais - 8

23 - Procurando registros com SQL + like + RadioGroup

24 - Totalizando valores

25 - Somando salários

"Wisdom is like a river, the deeper it is the less noise it makes"

Afim de aprender mais? Fale comigo: linux1.noip@gmail.com